Mostrando postagens com marcador #Abdução. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador #Abdução. Mostrar todas as postagens

Misteriosa cratera siberiana pode conter espaçonave

Misteriosa cratera siberiana pode conter espaçonave
Aquelas misteriosas crateras que tem aparecido na Sibéria acabam de apresentar um outro mistério.  O Siberian Times relatou que uma equipe de pesquisadores da Academia Russa de Ciências estava investigando uma das grandes crateras e reportou ter encontrado um”objeto não identificado com a aparência de cápsula espacial” no fundo da mesma.  Logo após, o sinal do telefone por satélite da equipe foi interrompido e eles não foram mais vistos desde então.  Uma equipe num helicóptero, que também estava na região, reportou ter tido problemas mecânicos e foi resgatada. Porém, não houve mais sinais dos três homens que investigavam a cratera.  Seriam as histórias de que as crateras estão sendo formadas por gás metano que foi liberado pelas mudanças climática parte de um acobertamento para algo muito maior?
As misteriosas crateras têm aparecido primariamente na península Yamal, embora um número delas apareceram ao leste daquela região. Até agora, as especulações do que estaria causando as mesmas vão de explosões devido ao gás metano, o qual se aquece à medida que o gelo derrete, até temperaturas anormalmente altas e ‘pingos‘, que são montes de terra e gelo que entram em colapso para dentro das crateras quando o gelo derrete.
Detalhes sobre a expedição são escassos.  O Siberian Times diz que a equipe estava na cratera fazendo mensurações.  Eles reportaram ter encontrado um objeto de metal “desconhecido na Terra“, de cor cinza, à profundidade de 48 metros, num “ambiente hostil“.  Nenhum outro detalhe do porquê do ambiente ser hostil foi relatado.  Uma foto mostra neve e vento quando a equipe partiu, mas isto não é nada hostil para os siberianos.
O que aconteceu para os três homens após seu sinal telefônico ter sido cortado?  Esta foi a declaração do Ministério de Emergências:
Neste momento sua comunicação cessou e não pudemos contatá-los novamente.  Quando enviamos um helicóptero ao local, não havia nenhum sinal da equipe de três homens.  Eles desapareceram.  A cratera estava vazia. A procura continuará até primeiro de abril.  Os resgatadores não excluem a possibilidade de que os homens tenham sido raptados.
Estaria este fato relacionado ao misterioso clarão que foi visto antes dos quatro buracos terem sido encontrados em fevereiro? Teria a equipe encontrado uma espaçonave alienígena e desaparecido devido a este fato?  Quem ou o quê teria raptado os homens?
Comentários no site de origem destas informações apontam que esta teria sido uma notícia para ‘primeiro de abril’, mas isto provavelmente é só uma coincidência, já que não há nenhuma outra história de ‘dia da mentira’ e o Siberian Times tem tratado com seriedade sua cobertura sobre as crateras da Sibéria, até agora.

leia mais...

Abdução é investigada no interior do Paraná (Registro)

Abdução  A cidade de Ponta Grossa, na chamada região dos Campos Gerais do Paraná, além de seus municípios vizinhos, é constante palco de avistamentos ufológicos, o que tem atraído inúmeros grupos e pesquisadores para o local, como a Sociedade para Estudos de OVNIs (SEO). Já foram registradas na área diversas ocorrências de pessoas que tiveram contatos com ETs e foram até mesmo vítimas de abdução. Um caso recentemente divulgado é o de Sebastiana Roncador, que mora no Bairro Santa Luzia daquela cidade, e teve uma experiência traumatizante com seres de outros planetas. 

O que mais chama a atenção para o evento é que o relato dessa senhora conta com uma riqueza de detalhes impressionante — conforme descreveu, a ocorrência se deu quando tinha nove anos e morava em uma propriedade rural da cidade de Faxinal de São Brás, atual Ipiranga (PR).

Em determinada data, Sebastiana saiu cedo de casa para tirar leite das cabras, quando, de repente, notou um estranho barracão prata, todo iluminado, que imaginou se tratar de um circo. 

Curiosa, aproximou-se do local e viu sair do objeto uma escada que “parecia ter vida”, segundo relatou. Dela, desceram estranhas criaturas de aproximadamente um metro de altura. 

“Elas eram carecas, baixinhas, marrons e tinham olhos de sapo, cara redonda, cabeças grandes, orelhas pontudas e pescoços compridos”, lembra.

Disse ainda que suas roupas eram prateadas e coladas ao corpo. Os seres vieram em sua direção e, assustada, Sebastiana correu gritando por socorro — seu pai estava em casa e saiu imediatamente com uma espingarda na mão. Ele atirou para o alto e as criaturas voltaram correndo para o objeto, que decolou. 

Morte de animais na fazenda 

A nave levantou uma enorme cortina de poeira e queimou o chão. No local ficou apenas uma marca escura, onde não cresce mais nenhum tipo de vegetação.Ainda conforme o depoimento de Sebastiana, logo após isso uma de suas cabras apareceu sangrando, como se tivesse sido perfurada. Algumas horas depois, o sangue estancou, mas o animal morreu. Naquela mesma época, uma colega sua desapareceu da região e os moradores acreditavam que ela havia morrido, mas seu corpo nunca foi encontrado. 

“A menina parecia uma indiazinha, com cabelos compridos. Tenho certeza de que a levaram naquele mesmo dia”, disse. 

Sebastiana ainda lembra de que teve terríveis pesadelos com as criaturas que avistou.

“Meu pai me dava água com açúcar para eu ficar calma. Mandaram até me benzer, mas era só eu dormir que sonhava com eles. Uns me levavam pelo braço, outros pela perna e cabelo. 

Fiquei com aquilo gravado na minha cabeça”, recordou. Durante todos esses anos, a testemunha nunca se esqueceu daquela experiência — apesar de não ter mais sonhado e nem presenciado fenômeno semelhante. 

Entretanto, há pouco tempo, no bairro onde mora atualmente, disse ter visto um disco voador bem próximo de sua casa, por volta da meia-noite. Ele iluminou toda a propriedade e a arrastou até uma das portas, que estava fechada. 

“Fiquei paralisada e creio que, se a porta se abrisse, teriam me levado”, deduz. Sebastiana então voltou para cama, ainda atordoada e sem saber onde estava — somente horas depois se lembrou do que havia lhe ocorrido.

No dia seguinte apareceram estranhas marcas roxas em várias partes do seu corpo. Seus filhos lhe recomendaram que não saísse de casa caso o objeto voltasse a aparecer. 

Ela conta ainda que, desde a possível tentativa de rapto, voltou a ter o mesmo pesadelo que a incomodava há décadas, quando se via sendo abduzida. No sonho, os seres a levavam até a nave e a colocavam deitada sobre uma mesa — seu esforço em tentar se soltar era em vão, pois, apesar de magros e pequenos, os seres possuem força excepcional. 

A partir daí, por mais que tentasse, ela não se recorda do que aconteceu, mas, sempre que acorda, está com o coração acelerado e sentindo calafrios, como se tivesse passado por uma experiência terrível. 

Marcas profundas em sua vida 

Gradualmente, Sebastiana Roncador tem se lembrado de detalhes, como o fato de haver uma luz amarela muito intensa iluminando o interior da casa na noite em que foi arrastada. 

Ela ainda sente arrepios e, sempre que isso ocorre, aparecem no céu pequenas luzes brancas, vermelhas, azuis ou verdes. Elas ficam lá, do lado de fora, piscando como se quisessem alertá-la de que estarão sempre por perto. 

A dona de casa acredita que um dia será levada por aquelas criaturas, mas não sabe precisar quando — os seres deixaram marcas profundas em sua vida, e ela passou muitos anos com medo de ser raptada.

Seria interessante que Sebastiana fosse submetida à hipnose regressiva. Dessa forma poderíamos descobrir se em algum desses contatos houve diálogo com os extraterrestres. Contudo, tememos por sua saúde quando as lembranças vierem à tona durante a regressão. 

Seja como for, esse é apenas um dos muitos casos registrados em Ponta Grossa. E, assim como Sebastiana, existem várias pessoas que se sentem atormentadas por fenômenos inexplicáveis — muitas vezes elas precisam apenas de alguém que as ouça e as oriente.

Fonte: Revista UFO
Leia mais:

Extraterrestres estariam em busca de energia na Paraíba?
leia mais...

EUA INTRUDERS - ABDUÇÕES INCONSCIENTE

destmap
Cientista americano Bud Hopkins analisa centenas de casos de abduções de pessoas que sob hipnose revelam estranhos casos de abduções extraterrestres.
Casos semelhantes ao ocorrido na cidade de limeira com o Sr Wilson que vem mostrar como é na verdade os modos operantes dessas inteligências extraterrestres nos mostrando uma capacidade tecnológica insondável.

Retirando pessoas do interior de suas casas onde em muitos casos não envolvem nem a presença de discos voadores próximos e chegando ao ponto de assemelhar aos filmes de ficção de Jornada nas Estrelas.

O professor Laércio faz nesses casos uma profunda analise desses fatos mostrando de fato que isso ocorre realmente devido a uma fantástica visão cientifica baseado na física quântica.

Como essas raças superiores podem abrir portais quânticos de transporte de matéria de um ponto para outro do espaço.

leia mais...

Relatos de Implantes alienígenas em pessoas (Registro)

Implantes alienígenas
Esta notícia é velha ou é nova?  Bem, está acontecendo agora. E quantas pessoas sabem a respeito das últimas descobertas (EVIDÊNCIA FÍSICA) sobre os implantes extraterrestres?  A partir das pesquisas do cirurgião de pés, Roger Leir, do cientista químico de materiais (e perito em nano tubo tecnológico) Steve Colbern, e do físico Robert Koontz, irei resumí-las para você.

Implantes dos alienígenas ‘grey‘:  Um fenômeno mundial, ou talvez localizado por regiões, mas muitos casos eles são fisicamente detectáveis.  Você notou um objeto estranho após um sonho estranho, ou paralisia durante o sono?  Respostas prosaicas provavelmente serão suficientes, mas em alguns casos… implantes de alienígenas avançados têm sido detectados.

Do que eles são feitos:  Muitas vezes de ferro meteórico (com isótopos não encontrados na Terra), com cobalto e quantidades significativas de irídium.  Eles contêm taxas que não ocorrem naturalmente na Terra.  Um era da classe de meteoritos de níquel e ferro, chamados de hexahedritos.  Especulativamente: isótopos mais pesados poderiam ter sido formados próximos ao núcleo galáctico e/ou devido as supernovas.

Normalmente eles são irregulares e cobertos com uma casca dura e oleosa, que previne a rejeição pelo corpo [humano].  Eles não produzem reações imunes.  Um tecido biológico cresce a partir do metal.  Este tipo de coisa foi visto com um Microscópio Eletrônico EDX.

Antes de serem removidos, alguns implantes emitem um sinais de rádio com radiação eletromagnético FM, em frequências escalares de 93 MHz, 15 MHz, ou até mesmo uma frequência usada em satélites de comunicação.  Eles parecem ter uma camada em sua superfície que é sensível aos fótons, para que retransmita ondas sonoras. Eles contêm eletrônicos em nano tubos de carbono, que não são encontrados na natureza (Steve Cobern).  Eles parecem ser nano tubos de parede única.  

Steve Colbern, cientista de materiais químicos, diz que eles são mais avançados do que a tecnologia formal da Terra (e possivelmente até da tecnologia secreta).  Roger Leir menciona que eles são encontrados em muitas regiões da superfície do corpo, mas também próximos aos ossos.  Células nervosas se conectam a esses dispositivos.  Alguns dos objetos possuem campos magnéticos fortes de mais de 10 milligauss.

Quinze por cento dos abduzidos mostram sinais significativos de brilho fluorescente na área da pele por até um mês (detectáveis com UV-A, porém mais com UV-B e UV-C).  Pequenos detectores de metais e medidores de raios-X e de Gauss podem detectá-los no corpo.  É claro, se for difícil de detectá-los com raios-X, uma tomografia computarizada pode localizá-los mais precisamente.

Não há sinais visíveis de como o implante foi feito.  Se os sinais de entrada do implante forem detectados logo após o evento, eles cicatrizam e não deixam nenhuma marca em um ou dois dias.  Aproximadamente 24 implantes já foram recuperados.

Alguns implantes possuem estruturas cristalinas regulares em forma de losango de cloreto de sódio, de vários tamanhos (Steve Colbern).  Talvez estes sejam usados para gerar frequências de rádio escalares (Bob Koontz).  Muitas vezes, quando o cirurgião de pés Roger Leir tenta removê-los com aço cirúrgico, eles “fogem” do bisturi.

Se aproximadamente 2% da população dos EUA que possui vários sinais de abdução for realmente indicativo, talvez o número de pessoas com implantes seja, relativamente falando, muito grande…


Font: exonews.org
leia mais...

CASOS REAIS: Comprovado, ABDUÇÃO, Kathie Davis; Abdução, filho hibrido e provas físicas

Kathie Davis; Abdução, filho hibrido e provas físicas

O caso Kathie Davis é um dos mais conhecidos casos de abdução da Ufologia Mundial. A protagonista do caso chama-se Debbie Thomas mas inicialmente usou o pseudônimo Kathie Davis visando manter a privacidade de sua família.

Ela passou por várias experiências de abdução, desde a infância, que não eram recordadas a nível consciente. Somente com o uso de hipnose regressiva ela recordou em detalhes as experiências pelas quais passou. Ela decidiu explorar sua experiência quando, em 30 de junho de 1983, ocorre o surgimento de uma marca em seu quintal associado à um estranho fenômeno luminoso e à um período de tempo perdido.
image
Intrigada, ela escreveu ao ufólogo Budd Hopkins relatando suas experiências. Kathie havia lido o livro Missing Time, de Budd Hopkins, no qual ele relatava vários casos de abdução por tripulantes de OVNIs e percebeu que tinha vários indícios de que poderia ser também uma abduzida inconsciente.
Budd iniciou uma pesquisa exaustiva em torno do caso, que posteriormente gerou um livro, intitulado Intruders (Intrusos – Um estudo sobre raptos de pessoas por seres alienígenas). O livro, por sua vez, originou um filme para a televisão, com o mesmo nome.
A marca no quintal de Kathie surgiu em 30 de junho de 1983. Poucos meses depois, em outubro, Kathie esteve em Nova York para iniciar as pesquisas em torno de seu caso com o auxílio de hipnose regressiva.
O primeiro episódio a ser investigado foi justamente a noite de 30 de junho de 1983. Através de hipnose Kathie recordou a observação de estranhas luzes no quintal. Depois disso ela saiu para ir à casa de uma amiga onde trabalhariam (na época faziam roupas para as amigas) durante a noite. Mais tarde, a mãe de Kathie liga solicitando que a filha volte para casa a fim de verificar o quintal pois havia uma estranha luminosidade lá fora. Kathie voltou à sua casa, verificou se tudo estava em ordem e posteriormente retornou para a casa de sua amiga.
Kathie não levaria mais que 20 minutos, no entanto levou mais de uma hora. Havia um período de aproximadamente 1 hora da qual ela nada lembrava. Ao chegar na casa da amiga as duas resolvem voltar para a casa de Kathie para nadar na piscina. Ao andar pelo quintal sentem que o mesmo está muito quente. Ao entrar na piscina, Kathia, a amiga e a filha desta passam mal. Nas três amigas a visão fica turva, elas sentem náuseas, dores de cabeça, tonturas, o rosto fica inchado. Estes são sintomas típicos de radiação.
No dia seguinte a família de Kathie constatou a presença da marca no quintal e logo perceberam estranhos efeitos. O cachorro da família mudou seu comportamento, recusando-se a passar pela marca. Pouco tempo depois, constatou-se que o animal começou a perder muitos pêlos e ele adoeceu.
Dentro da marca circular, o solo mostrou-se duro e estéril. Insetos não adentravam a marca e poucos dias depois, a grama começa a morrer evidenciando ainda mais o formato circular da mesma. Curiosamente, durante o inverno o gelo derreteu com muita facilidade na parte interna e acumulou-se mais na parte externa. Embora essas características ainda fossem evidentes, mesmo 15 anos após o caso, ervas arroxeadas começaram a crescer no local. Curiosamente, a partir do surgimento da marca no quintal da família, tomates plantados próximos ao local se apresentavam maiores e mais ácidos do que outros plantados em outros locais da propriedade.

image

continue lendo na fonte: http://www.outromundo.net/kathie-davis-abducao-filho-hibrido-e-provas-fisicas/
leia mais...

CASOS REAIS: Comprovado, O caso Patero, Intrigante caso envolvendo 2 abduções

ovni 02
Intrigante caso envolvendo 2 abduções com intervalo de cerca de 1 ano que resultou na testemunha sendo deixada a quilômetros de distância do local da abdução.
leia mais...

ABDUÇÃO: Espécies Alienígenas

Espécies Alienigenas
Um breve resumo sobre as supostas espécies alienígenas que são relatadas no mundo inteiro. Essas espécies são classificadas com base nos relatos de abdução.
leia mais...

ABDUÇÃO: Mistério sobre a vida extraterrestre pode estar prestes a ser revelado

mistério sobre a vida extraterrestre pode estar prestes a ser revelado
CHASE Kloetzke tem absoluta certeza de que não estamos sozinhos – e diz que ovniólogos estão próximos de desvendar o mistério acerca da vida extraterrestre.
A importante investigadora estadunidense de OVNIs disse que a ciência convencional abriu as portas para os ovniólogos investigarem os traços físicos da atividade alienígena.  Mas ela disse que teria que existir um grande evento, tal como o caso de Westall de Victoria, em 1966, para revelar o escopo total do mundo paranormal – e não o governo revelando o que sabe.
“Acredito 100 por cento que o governo está acobertando a atividade OVNI”, ela disse para Sunday Herald Sun. “Mas eventualmente as coisas serão filtradas.  A maioria de nós, como ovniólogos, sentimos que estamos próximos de um ponto de virada. Dez anos atrás eu era a ‘moça maluca’ na estrada que investigava OVNIs, e agora as pessoas estão realmente se posicionando e ouvindo.  Não será o governo que irá revelar.  Terá que ocorrer um evento. Mas estamos próximos de conseguir as respostas.”
Kloetzke, vice-diretora da maior organização de investigação de OVNIs, a Mutual UFO Network, está entre as grandes mentes da ovniologia que se reuniram em Melbourne (Austrália) para a conferência Edge of Reality Ufology.
Aproximadamente 130 pessoas participaram da conferência no Jasper Hotel.
Esta é a sua primeira viagem à Austrália e ela disse que se sente ‘no céu’, pois esse país é conhecido por alguns dos casos mais anômalos.  Ela disse que a Austrália é única com seus grandes espaços abertos, os quais parecem atrair mais OVNIs.
Kloetzke, escritora do livro ‘Admissible: The Field Manual for investigating UFOs, Paranormal Activity and Strange Creatures’ (Admissível: Manual de Campo para invetigação de OVNIs, Ativiade Paranormal e Estranhas Criaturas), bem como o livro infantil ‘Are Aliens Really Real?’ (São os Alienígenas Realmente Reais?), disse que os avistamentos de OVNI e encontros com alienígenas estavam “aumentando”, com aproximadamente 900 caos reportados mundialmente a cada mês.
“Esses são somente dos cidadãos do mundo que estão reportando – há muitos outros que não o fazem”, disse ela.
Ela fez uma pergunta aos Victorianos: “Quem é que acha que absolutamente estamos aqui sozinhos?
OS 5 PRINCIPAIS CASOS EM VICTORIA – AUSTRÁLIA
O encontro com OVNI em Westall
6 de abril de 1966
Jogando no centro esportivo de Westall High School, em Clayton South, mais de 200 alunos e professores descreveram ter visto uma nave cinza em forma de disco, com um brilho de cor levemente violeta, voar pela área aproximadamente às 10h30.  O OVNI voou por sobre alguns pinheiros, onde acredita-se que pousou brevemente, deixando marcas sobre o solo.
O desaparecimento de Valentich
21 de outubro de 1978
Frederick Valentich, 20, desapareceu enquanto pilotava uma pequena aeronave sobre o Estreito de Bass, saindo do Aeroporto Moorabbin para a Ilha King, na Tasmânia.  Em seu último contato por rádio ele descreveu um objeto anormal pairando sobre ele. Nenhum traço de Valentich ou seu Cesna foi encontrado.
O mistério do tanque d’água de Rosedale
30 de setembro de 1980
Um funcionário de 54 anos de idade, numa fazenda a 8 km de Rosedale, na região Gippslan, acordou ás 01h00 com um ruído gritante – e o gado estava claramente estressado – e foi para fora investigar.  Ele descreveu um objeto com um domo, de topo branco e alaranjada na parte inferior, com janelas e luzes circulares, pairando por sobre um tanque d’água sem tampa, de 38,000 litros.  O OVNI pousou ao lado do tanque, deixando marcas circulares na grama. No outro dia, o tanque estava misteriosamente vazio.
Os “faróis de luz dobrada” de Burkes Flat
4 de abril de 1966
Por vota das 20h00, Ron Sullivan viu um objeto anormal fazendo um espetáculo de luzes em um pasto, enquanto dirigia ao longo da Estrada Dunolly-St Aruanud, próximo de Bourker Flat, na região central de Victoria.  Ele disse que os faróis de seu automóvel se dobraram em direção ao OVNI, causando com que ele saísse da estrada e quase atingisse uma árvore. Dois dias mais tarde, outro motorista morreu após atingir a mesma árvore que Sullivan quase bateu.  Pesquisadores levantaram a possibilidade de que esse desafortunado motorista passou pelo mesmo fenômeno.
O encontro de Kelly Cahill
8 de agosto de 1993
Kelly Cahill estava dirigindo para casa com seu marido e três filhos nas colinas Dandenong, próximas de Belgrave, quando notaram as luzes de uma nave redonda com janelas, logo após a meia-noite.  Ela lembra que toda a sua família foi abduzida por alienígenas e como eles controlaram suas mentes e desempenharam neles procedimentos embaraçosos.
OADM
leia mais...

ABDUÇÃO: EXTRATERRESTRES CINZENTOS (GREYS) E SUAS ABDUÇÕES HUMANAS

 


Segundo a Ufologia, os Greys são os seres extraterrestres mais comumente flagrados e os responsáveis pela maior parte das abduções humanas e mutilação de gado. Não devem ser confundidos com os Reptilianos, pois diferentemente dos Greys, estes são muito provavelmente seres intraterrenos (da Terra, de dentro da Terra) e os cinzentos são cidadãos intergalácticos provenientes do quarto planeta...
LEIA MAIS...
leia mais...

ABDUÇÃO: Capitão do exercito brasileiro curado por Aliens e a sua constante relação com os extraterrestres

Capitão do exercito brasileiro curado por Aliens
Os estudiosos, pesquisadores e entusiastas do meio ufológico, sabem bem o quanto são muitos os casos de avistamentos, contatos, comunicação e até mesmo históricos de cura das doenças terminais do corpo humano, que envolvem  formas de vida provenientes de outros mundos.
O caso que vamos abordar a seguir, é um dos mais incríveis porém negligenciados da ufologia brasileira e mundial. Esta é a história de um Capitão do exercito brasileiro, que hoje encontra-se na reserva, cuja as crenças, até então, sempre foram baseadas em doutrinas religiosas tradicionais e que teve a sua vida transformada após ser desenganado pela medicina humana e obter contato com seres de Outros Mundos.
clip_image001
Protagonista real
Carlos Henrique é natural de Belo Horizonte – MG e é uma pessoa a qual teve e tem contato com civilizações de outros planetas. Capitão do Exército brasileiro, Carlos Henrique é também formado em Administração, Economia e Relações Exteriores. O que Carlos não imaginava é que suas relações exteriores ultrapassariam a atmosfera terrestre.C. Henrique ingressou na carreira militar muito cedo por livre e espontânea vontade e alcançou o posto de Capitão com louvor.
As más notícias
Porém em 2004 começou a apresentar sintomas que não lhe permitiam alimentar-se adequadamente. Ao procurar um médico e realizar os exames, teve a infelicidade de ser atingido e diagnosticado como sendo portador de um câncer em estado avançado que já afetava seu estômago, fígado e intestino delgado.
clip_image002
Desenganado pelos médicos que não aconselhavam sequer a cirurgia para extração da área afetada em seu corpo pois estavam certos de que não resistiria a tal situação devido ao estágio avançado da doença, lhe foi aconselhado a aproveitar os últimos tempos de vida que lhe restavam, da melhor forma possível.
Momentos de reflexão
Após algum tempo, ciente de que sua vida supostamente estava chegando ao fim, C. Henrique resolveu, como uma forma de despedida, retornar ao local que tanto havia estado em sua carreira militar e que sempre sentiu-se bem, levando consigo seus medicamentos, sua pistola, um cantil de água, seu facão de combate e seus pensamentos. Este lugar se localizava mata adentro, a cerca de 5 horas de caminhada a partir de uma rodovia local.
Ao chegar no local depois de tanto caminhar mata adentro, C. Henrique chegou ao lugar onde costumava acampar e já começou a fazer o reconhecimento do local para montar ali o seu acampamento onde pretendia ficar por 10 dias caso sua doença permitisse.
A sombra do espanto
No local, enquanto fazia os seus preparativos, Carlos começou a pensar em sua vida e em tudo que fizera e passara até o momento. Preparando seu acampamento, sentado olhando para o chão, percebeu uma enorme sombra sobre sua cabeça, o que em primeiro momento, o capitão achou se tratar de uma nuvem.
clip_image003
Ao passar do tempo, percebendo que a sombra não desaparecia, C. Henrique olhou para cima e viu uma enorme esfera prateada, que pensou se tratar de um balão mas depois percebeu que se tratava de algo diferente.
Mais do que de imediato, ao levar a mão até sua arma, sentiu seu corpo inteiro paralisado. O mesmo tipo de paralisia relatado na maioria dos casos de contato extraterrestre. Conseguindo movimentar apenas os olhos, Henrique viu aquela esfera baixar e se posicionar lentamente bem a sua frente.
clip_image004
De repente, aquela esfera prateada que não tocava o solo e não apresentava nenhuma porta ou janela, girou sobre sí mesma e uma porta se formou como se o metal fosse líquido, e de dentro da esfera, C. Henrique viu dois seres saírem. Uma figura feminina e uma figura masculina.
O fim de suas crenças
Os dois seres saíram da esfera e se dirigiram até C. Henrique que continuava imobilizado. Mesmo sem conseguir reagir fisicamente, ele teve a certeza que aquilo que estava acontecendo era fruto de suas orações. Ao perceber os dois seres se aproximando e reparar que eles não tocavam o chão, Henrique simplesmente apagou.
Ao acordar, sem ter noção de quanto tempo esteve desfalecido e conseguindo apenas movimentar seus olhos, C. Henrique percebeu que os seres gigantescos continuavam a sua frente, sentados no chão e falando em um idioma totalmente desconhecido.
O ser de figura masculina levantou-se, tocou em sua cabeça com as mãos e naquele instante, Henrique pode compreender o que o ser dizia e também passou a conseguir falar, apesar de o restante do seu corpo permanecer paralisado. E por não ter o controle do corpo, Carlos lembra que havia urinado e defecado em sua roupa.
clip_image005
Começando a entender
Ao recobrar a voz, C. Henrique questionou ao seres se eles seriam “Anjos” enviados por Jesus para que o salvassem de sua doença. Os dois seres se olharam, sorriram e responderam:
Não. Somos habitantes da constelação de Sírius B e nós temos observado e acompanhado você ha muito tempo. Não tenha medo, não iremos lhe machucar! Mas neste momento se inicia a sua jornada…. Nós iremos embora mas estamos te observando e brevemente haverá o segundo contato. Os seres entraram na esfera e sumiram no céu.
Ao perceber que estava de posse sobre seus movimentos outra vez, C. Henrique deixou tudo para traz e começou a voltar pelo caminho de onde veio. Após muitas horas, Carlos chegou na rodovia ao pé da mata e totalmente transtornado começou a vagar sem rumo pela estrada.
clip_image006
De volta ao mundo real sem saber o que é real
A policia foi acionada e somente após os oficiais jogarem o carro em sua frente para quer pudesse obedecer as ordens de parar, antes ignoradas inconscientemente por C. Henrique. Ao ser abordado e revistado, os policiais encontraram sua arma e sua credencial de oficial do exercito.
Após ser encaminhado para um hospital próximo e ser identificado pelas autoridades, oficiais do exercito chegaram no local e quando questionado C. Henrique relatou sua história para um coronel amigo seu. O tal coronel, ouviu sua história e aconselhou Henrique a não falar sobre o assunto. Após exames, destinados a saber se Carlos Henrique estava sob o efeito de drogas, o resultado foi negativo.
Segundo Contato
Pouco tempo depois, Henrique recebeu a mensagem telepática que avisava sobre um próximo encontro. Em pouco tempo, ele recebeu a visita da mesma esfera que havia visto naquele dia na floresta. O objeto se aproximou de uma área de lazer no local onde Carlos estava e ele pode ver aquela esfera se abrindo e ouviu uma voz lhe convidando a adentrar no objeto.
Ao entrar na esfera, C. Henrique percebei que na parte de dentro do objeto, podia-se ver tudo ao redor em uma visão de 360°.
clip_image008
A Lua e o planeta prisão
A esfera foi se afastando do solo, ele pode notar a cidade do alto, logo após o estado, o país, continente e planeta se afastando rapidamente. Sentiu a esfera se acoplar em uma outra estrutura maior onde pode observar diversos seres parecidos com seus anfitriões. Mais tarde C. Henrique teve conhecimento que aquele lugar era na verdade a nossa LUA!
clip_image009
Após ser convidado a deixar a esfera, e transitar pela estrutura lunar, pode ver diversas tipologias extraterrestres e também painéis enormes onde alguns deles mostravam em tempo real, situações e acontecimentos do planeta Terra.
Lá lhe foi dado as boas vindas e explicado que a lua é um elemento artificial, que observa o nosso planeta, o qual é chamado por ele de “planeta prisão”, onde nos encontramos aprisionados por um motivo que mais tarde lhe seria revelado.
Sírius
Depois de passar um tempo na base lunar, Henrique foi conduzido até uma outra embarcação a qual o levou para a constelação de Sírius B, mais precisamente em um paneta chamado GALAMIAK. Planeta esse, correspondente a “terra natal” dos seres que lhe contactaram naquele primeiro momento lá na mata.
Em Sírius muitos seres se faziam presentes e lhe deram as boas vindas, entre estes seres estava uma mulher, alta como as outras, com um cabelo muito branco, a pele muito branca e reluzente como raios de sol na lua negra. Em seu olhar viu um amor incondicional que ao olhar para ela sentiu o coração bateu mais forte e imediatamente sentiu uma emoção muito forte e lhe pôs a chorar. Esta mulher era uma princesa de Sírius chamada Agnashet, ela seria sua guia.
clip_image011
Figura que representa em 30% a princesa Agnashet, segundo Carlos Henrique.
“eu sei que pra muitos, como até aqui eu vi, pensam que isso não passa de um fruto da minha imaginação. Eu quero dizer que não é. O que quero compartilhar com todos, é simplesmente a minha experiência com estes seres que habitam a constelação de de Sírius em um planta chamado GALAMIAK.” – C. Henrique.
Estes seres então lhe puseram em uma situação extraordinária de cura. Segundo C. Henrique, um objeto semelhante a um camarão foi lhe introduzido no abdome sem qualquer cirurgia ou procedimento invasivo.
clip_image012
Ao ser devolvido a seu apartamento, Carlos sentiu como se algo transitasse em seu tórax. Quase que instantaneamente sentiu uma fome gigantesca como a muito não sentia, devido a sua doença. Ele ligou para sua mãe lhe convidando para uma visita, e assim que sua mãe se fez presente, lhe pediu um prato especial pois se sentia faminto.
Um pouco contrariada com o pedido do filho, já que anteriormente tudo que consumia era vomitado pelo filho, sua mãe preparou a refeição sob a vontade do filho. A surpresa maior foi quando C. Henrique comeu tudo e não apresentava o menor sintoma da doença.
clip_image013
Intrigada, sua mãe lhe questiona sobre como tal acontecimento seria possível?? Carlos então levanta sua blusa, exibindo o bizarro momento em que o tal objeto alienígena transitava em seu abdome deixando um rastro protuberante sobre a pele, o que fez a mãe de Carlos ficar abismada!
Após exames posteriores, solicitados e bancados pelo próprio Carlos Henrique, foi constatado que a doença que lhe mataria em algumas semanas, inexplicavelmente desapareceu, deixando médicos e especialistas a se questionar: “COMO ISSO É POSSÍVEL???? ”

Segue abaixo o relato completo e detalhado
sobre o primeiro contato de C. Henrique:



fonte: http://www.outromundo.net/
leia mais...

Mais Populares

 
Copyright © 2014 ALERTA OVNIs UFOs • All Rights Reserved.
Template Design by ORIGINAIS OADM • Powered by Blogger
back to top